seg. jul 22nd, 2019

Eleição da mesa diretora do TJPB acontece nesta quarta

Imagem destacada: Reprodução internet.

A escolha para os cargos de diretor da Escola Superior da Magistratura e ouvidor-geral ocorrerão logo após a dos Órgão Diretivos, conforme o Regimento Interno.

A sessão administrativa do Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) desta quarta-feira (14) escolherá os novos gestores do Poder Judiciário estadual para o biênio 2019-2020, em votação secreta. A eleição vem sendo organizada desde o dia 25 de outubro, com a abertura das inscrições, resultando em 10 desembargadores inscritos para o cargo de presidente, nove para o cargo de vice-presidente e oito para o de corregedor-geral de Justiça.

A escolha para os cargos de diretor da Escola Superior da Magistratura e ouvidor-geral ocorrerão logo após a dos Órgão Diretivos, conforme o Regimento Interno.

Ainda de acordo com a norma, a eleição dos três membros do Conselho da Magistratura e respectivos suplentes será feita em escrutínio secreto, por ocasião da eleição dos titulares dos cargos de direção do Tribunal, ocorrendo a posse na primeira sessão ordinária seguinte à daqueles titulares, (artigo 7º, § 1º).

Os desembargadores Márcio Murilo da Cunha Ramos, Saulo Henriques de Sá e Benevides, Arnóbio Alves Teodósio, João Benedito da Silva, João Alves da Silva, Frederico Martinho da Nóbrega Coutinho, Maria das Graças Morais Guedes, Leandro dos Santos, Oswaldo Trigueiro do Valle Filho e Ricardo Vital de Almeida se inscreveram para o cargo de presidente da Corte de Justiça.

A vice-presidência do Tribunal foi pleiteada pelos desembargadores Saulo Henriques de Sá e Benevides, Arnóbio Alves Teodósio, João Alves da Silva, Frederico Martinho da Nóbrega Coutinho, Maria das Graças Morais Guedes, Leandro dos Santos, José Aurélio da Cruz, Oswaldo Trigueiro do Valle Filho e Ricardo Vital de Almeida.

Para a Corregedoria-Geral de Justiça, se inscreveram os desembargadores Saulo Henriques de Sá e Benevides, Romero Marcelo da Fonseca Oliveira, João Alves da Silva, Frederico Martinho da Nóbrega Coutinho, Maria das Graças Morais Guedes, Leandro dos Santos, Oswaldo Trigueiro do Valle Filho e Ricardo Vital de Almeida.

O desembargador Marcos Cavalcanti pleiteou o cargo de diretor da Escola Superior da Magistratura (Esma) e os desembargadores José Aurélio da Cruz, Arnóbio Alves Teodósio e Marcos Cavalcanti estão inscritos para o cargo de ourvidor-geral de Justiça.

 

Imagem destacada: Reprodução internet.

 

Fonte: CLICK PB.

Leia mais notícias em www.jornalapagina.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e em breve veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode comunicar erro ou enviar informações à Redação do Jornal A Página pelo WhatsApp (83) 9.9166.6272.

Comentários:

Loading Facebook Comments ...