Conjunção de Marte com Saturno pode ser vista nesta semana

Conjunção de Marte com Saturno pode ser vista nesta semana

Fenômeno causa a impressão de que os planetas estão bem próximos, quase que um ao lado do outro, e pode ser observado a olho nu.

As madrugadas de terça (31) e quarta-feira (1º) serão marcadas pela conjunção de Marte com Saturno. Quem observar o céu terá a impressão de que os planetas estão bem próximos, quase que um ao lado do outro. A configuração entre os planetas poderá ser percebida a olho nu, a partir da 1h.

Vistos da Terra, os planetas se mostram mais brilhantes do que a maioria das estrelas, facilitando seu reconhecimento. Outra dica para localizar Marte e Saturno mais facilmente é que eles não piscam e Marte apresenta cor vermelho-alaranjada.

Segundo Marcelo Zurita, da Associação Paraibana de Astronomia (APA), na terça, Saturno vai estar um pouco mais abaixo de Marte e, na quarta, um pouco mais acima. “Se o tempo colaborar, eles poderão ser vistos na direção leste. Saturno à esquerda e Marte um pouco mais à direita”, explica.

“Tanto na madrugada de terça, quanto na madrugada de quarta, os dois planetas vão estar a aproximadamente 1 grau de distância. Na prática, isso significa que se você esticar o braço, você consegue cobrir os dois planetas com o dedo polegar”, complementa Zurita.

Apesar da aparente aproximação entre os planetas, continuam havendo centenas de milhões de quilômetros entre eles. Os caminhos que eles percorrem em suas órbitas são os causadores da ‘ilusão’ de aproximação percebida na Terra.

“Existe uma distância entre Marte e Saturno aproximadamente cinco vezes maior do que a distância entre a Terra e o Sol. Então, o que a gente vê, na verdade, é um alinhamento entre Terra, Marte e Saturno”, esclarece Zurita.

Outros eventos astronômicos que ocorrem em 2020

  • 5 de junho: eclipse lunar penumbral
  • 5 de julho: eclipse lunar penumbral
  • 14 de julho: Júpiter em oposição
  • 20 de julho: Saturno em oposição
  • 21 de julho: eclipse solar (anular)
  • 9 de agosto: ocultação de Marte
  • 30 de novembro: eclipse penumbral
  • 13 a 14 de dezembro: chuva de meteoros
  • 14 de dezembro: eclipse solar total
  • 20 de dezembro: conjunção entre Júpiter e Saturno.

 

Fonte: PORTAL CORREIO. -por 

Gilson Alves

Radialista DRT: 1.743 - PB e Jornalista DRT: 3.183 - PB. Diretor Geral do Jornal A Página.

Deixe seu comentário