Paraíba Política

Efraim diz que pedido de impeachment a João e Lígia é “barulho desnecessário”

O secretário de Estado do Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, Efraim Morais, justificou a solidariedade ao governador João Azevêdo e a vice-governadora Lígia Feliciano após pedido de impeachment protocolado na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). Presidente do Democratas na Paraíba, ele assinou nota em favor de João e Lígia, nesse fim de semana.

“Eu diria solidariedade e uma questão de lealdade, não só os parlamentares, mas nós secretários, os movimentos sociais tem que estar solidários neste momento com o governador João Azevêdo e a vice-governadora Lígia Feliciano”, frisou.

Efraim opinou que o pedido de impeachment é um ‘barulho desnecessário’ e disse que ‘não há fato determinante’ para consolidação do processo.

“Eu acho sem sentido, eu diria que é um barulho desnecessário, até porque, pela primeira vez na história desse país, se pensa em casar um governador e vice-governadora, como se fosse presidente e vice-presidente ao mesmo tempo, não há fato determinante, não há nenhuma ação neste momento dentro do Governo, o que aconteceu lá atrás, fora do Governo, não é motivo para cassação em nenhum parlamento, então eu considero um barulho desnecessário, tenho dúvidas de que não irá para frente”, disse.

 

Fonte: WSCOM.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.