qua. nov 14th, 2018

Militante é baleada durante protesto na Paraíba

De acordo com presidente da CUT-PB, um homem furou o bloqueio e atirou na militante.

O presidente da Central Única dos Trabalhadores da Paraíba (CUT-PB), Paulo Marcelo, confirmou que uma militante foi baleada na manhã desta sexta-feira (6) durante o protesto contra prisão do ex-presidente Lula. Pelo menos dois pontos de bloqueio nas rodovias BR-230 e BR-101 foram interditados por manifestantes.

De acordo com presidente da CUT-PB, a militante Lindinalva Pereira de Lima, foi baleada nas imediações de Mata Redonda, Litoral Sul da Paraíba. Ele contou que uma pessoa furou o bloqueio e atirou, acertando a militante na perna. Ela foi socorrida e encaminhada ao Hospital de Emergência e Trauma em João Pessoa.

Os manifestantes estavam liberando a passagem apenas para ambulâncias, carros da polícia e com pessoas doentes. O acusado insistiu e passou por cima do bloqueio, os manifestantes começaram a arremessar pedras então ele sacou a arma e atirou.

Paulo ainda convocou a população para participar de um ato em protesto ao mandado de prisão de Lula emitido pelo juiz Sérgio Moro, nesta sexta, a partir das 14h, na frente do Lyceu Paraibano, Centro de João Pessoa.

“É um sentimento de que estão querendo destruir a maior liderança popular do país. Vamos protestar contra o desrespeito à constituição e a democracia”, destacou Paulo.

 

Imagem destacada: Reprodução internet.

 

Fonte: WSCOM.

Comentários

Loading Facebook Comments ...

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Leia mais notícias em www.jornalapagina.com, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e em breve veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode comunicar erro ou enviar informações à Redação do Jornal A Página pelo WhatsApp (83) 9.9166.6272.